Ajuda para compreender as notícias

Nunca houve tantas notícias e tantas fontes de notícias quanto hoje. É importante que todo mundo seja capaz de entender essas informações. Queremos ajudar nisso.

Tecnologia para conectar você às informações

A tecnologia nos permite organizar milhões de páginas de conteúdo jornalístico em dezenas de idiomas e fazer com que seja acessível para todo mundo e a qualquer momento. Em vez de depender de editores humanos para selecionar os artigos que você vê, os sistemas automáticos do Google, chamados de algoritmos, analisam centenas de fatores diferentes para identificar e organizar as matérias escritas por jornalistas. Esporadicamente podemos dar destaque a experiências relacionadas a temas específicos. No entanto, nossa principal abordagem é usar a tecnologia para refletir um amplo panorama de notícias e deixar as decisões editoriais para os editores.
Ilustração de informações conectadas

Acesso ao contexto e a diferentes perspectivas

Para entender as notícias, é preciso buscar vários pontos de vista e conhecer o contexto geral das matérias. As experiências com notícias do Google conectam você a editores que fazem a cobertura local, nacional e internacional e produzem conteúdo em diversos idiomas e formatos. Nosso objetivo é dar acesso a várias perspectivas para que você se informe e desenvolva sua própria opinião.
Ilustração de uma informação acessível

Promovendo informações confiáveis

O Google trabalha para que seja mais fácil encontrar informações confiáveis e identificar de onde vêm. Nossos algoritmos são projetados para promover as notícias de fontes legítimas. Por isso, exigimos que os editores sejam transparentes e responsáveis para aparecer nos resultados de notícias.
Ilustração de uma análise mais detalhada de um conteúdo

Combate a práticas enganosas

Nossas Políticas de conteúdo de notícias buscam combater comportamentos prejudiciais, independentemente do posicionamento político. Não permitimos fontes que divulguem declarações falsas sobre os proprietários ou o objetivo principal da publicação. Isso inclui fontes que deturpam informações sobre o país de origem ou que trabalham com outras organizações para enganar os usuários sobre as relações editoriais e a independência do veículo.